Umidade na quadra força transferência de Assoeva x Magnus pela Liga Futsal

 

Acabou sendo transferido o jogo de ida das quartas de final da Liga Futsal 2017 entre Assoeva/Unisc/ALM e Magnus, de Sorocaba, São Paulo. O jogo no começo da noite desta quinta-feira, feriado, que marcaria a ida das quartas de final entre as duas agremiações, não foi realizado em razão da alta umidade na quadra do ginásio Poliesportivo.

"A atual situação da quadra, convenhamos que coloca em risco a qualidade do jogo e antes disso, tem a integridade física dos atletas". Essa foi a frase do árbitro principal do jogo, Flávio Marques, às 17h15min, enquanto que com seu colega de apito, Alfredo Wagner, vistoriava a quadra exatamente uma hora antes da bola rolar de forma oficial.

Enquanto isso o torcedor foi chegando no Poliesportivo que a partir das 18h, 15min antes do jogo, já recebia o maior público da atual temporada.

Dentro de quadra estavam os atletas das duas equipes, arbitragem e diversos dirigentes. Inicialmente foram dados os 30min de tolerância para o começo do jogo. Vieram mais 30min e nada da quadra apresentar as mínimas condições. Todos os esforços foram realizados. A Assoeva inclusive providenciou um produto que foi colocado nos rodos para tentar auxiliar na secagem da quadra. Foi tudo em vão.

Enquanto que se buscava uma solução para a umidade, Assoeva e Magnus abriram as tratativas na reta final do protocolo de uma hora de espera para tentar buscar datas alternativas quanto a realização do jogo. Em uma conversa envolvendo o supervisor do Magnus juntamente com Vianei Hammes, vice-presidente da Assoeva, Irineu Henn, Diretor de Futsal, e o próprio técnico da Assoeva, Fernando Malafaia, as datas sugeridas foram de 25 ou 26 de outubro o jogo de ida em Venâncio Aires. Assim a volta ficaria 30 ou 31 em Sorocaba, São Paulo.

Foi descartada a realização do jogo de ida na próxima semana até porque a Assoeva já agendou os jogos contra a Alaf, em Lajeado e para Venâncio Aires nos dias 16 e 20 respectivamente. Enquanto isso o Magnus tem compromisso dias 17 e 22 pelas finais do campeonato paulista.

Ao longo de hoje as datas sugeridas pelos dois clubes serão enviadas para a coordenação técnica da Liga Futsal que deverá se posicionar pois entra em questão a logística dos clubes, além dos horários alternativos em razão da Sportv.

"Realmente estamos muito tristes por tudo que está acontecendo. Disso aqui ninguém é culpado. O jogo não foi transferido em razão das goteiras no ginásio como muitos falam. É a umidade na quadra. Realmente não tem condições de jogo. Não somos os culpados", disse durante entrevista o presidente da Assoeva, Engelberto Henn.

"Na minha modéstia opinião, foi a melhor decisão. Ninguém tem culpa de nada. A quadra, da forma como se apresenta, convenhamos que não tem as mínimas condições de jogo. O risco é enorme. Foram feitos todos os esforços. A arbitragem aguardou. A televisão esperou o quando pôde. Num consenso entre as duas direções, com total entendimento do Magnus, foram 'definidas' as datas. Agora é aguardar por uma posição da Liga Nacional se aceita ou não", disse Fernando Malafaia.

Texto e foto: Roni Müller/Jornal Folha do Mate

 

Venâncio Aires/RS - 12 de Outubro de 2017 - 21h 52min

Fonte: Jornal Folha do Mate